Própria/SE

O Baixo São Francisco se liga aqui!

Previous slide
Next slide

Nota à Imprensa

Sobre a sessão realizada nesta quinta-feira (17), onde o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), confirmou a cassação do mandato e decretou a minha inelegibilidade, por abuso do poder econômico durante a campanha eleitoral de 2018, esclareço que respeito a decisão daquela Corte, mas que, amparado no meu direito de defesa, continuarei a recorrer, a fim de provar a minha inocência.
Fui o único Deputado Federal eleito por Sergipe em 2018 que não recebeu verba do Fundo Partidário ou Fundo Eleitoral. As doações realizadas após a eleição o foram para cobrir as dívidas da campanha, sem qualquer intenção de ferir regra eleitoral. São recursos provenientes de empréstimo pessoal, e não de origem ilícita como apontado na decisão.
Por fim, devo dizer que não pratiquei “Caixa 2” de campanha, tendo registrado todas as minhas receitas e despesas na prestação de contas. Desse modo, não deveria ter sido cassado com base na análise de extratos de contas bancárias de duas pessoas que eu sequer conheço pessoalmente, em razão de suas movimentações financeiras com empresas que não tenho nenhuma relação. Sobre esses fatos, aliás, não pude nem me defender, pois não constavam da inicial da ação, tampouco referidas pessoas como parte.

Deputado Federal
Valdevan Noventa

Deixe uma resposta

MAIS LIDAS

IMG-20240601-WA0616
Mulher Mais Velha do Mundo é Descoberta em Japoatã-SE
Screenshot_2024-06-18-21-33-44-379_com.instagram
TRE-SE Mantém Multa a Pré-candidato a prefeito de Malhada dos Bois, Fábio Nunes por Divulgação Irregular de Pesquisa
Screenshot_2024-06-18-16-03-28-297_com.instagram
Neudo Alves Recebe Amigos e Lideranças Políticas em um dos Maiores Festejos Juninos de Cedro de São João
justica-juiz-1024x683
Justiça Eleitoral Suspende Divulgação de Pesquisa em Muribeca
IMG-20240527-WA0461
Escuta Pública Debate Implementação da Política Nacional Aldir Blanc em Propriá
Rolar para cima